O Dr. Janis Roze, nasceu na Letónia, país europeu localizado às margens do Báltico, cujos habitantes são considerados pessoas com preocupações espirituais. Lá ele viveu com seus pais e irmão em uma atmosfera de proximidade e proteção. Com a guerra, aos dezesseis anos, teve que deixar suas florestas perfumadas e a fonte, com águas cristalinas, que acompanhou sua infância, e foi para a Alemanha. No exílio, ele se viu sozinho e privados do mais básico, esquivando bombas e campos de concentração.

Em plena guerra, ele começou a contar histórias, no acampamento, para seus companheiros soldados. Histórias que os abrigavam com a esperança da existência de uma realidade muito mais extensa do que seus olhos podiam ver, e convocava a coragem que vem quando apreciamos o maravilhoso dom da vida.

Janis Roze é biólogo, e seu amor pela vida se expressa na coerência e fidelidade à ela no seu modo de viver.

Pesquisador, defensor do planeta, mostra uma atitude de respeito reverente a cada ser, pessoa, planta, inseto. E é sua humildade soberana e inclusiva que descreve essa maturidade que muitos aspiram como auto-expressão da grandeza humana.

Dr. Janis Roze é figura de renome mundial e requerido como conselheiro e palestrante em conferências e eventos internacionais. Autor de quatro livros sobre desenvolvimento e evolução humana, foi o criador e autor de roteiros para uma série de vídeos sobre a evolução, o ser humano, a expansão da consciência. (Be Human, The Serpents, Genetic Rivers) e séries de TV.

Fulbright Senior Scholar, Professor de Biologia da Universidade da Cidade de Nova York, Pesquisador do Museu Americano de História Natural, em Nova York, diretor do “Centro de Ciência e Tecnologia para o Desenvolvimento” das Nações Unidas, co-diretor do “Programa Intercâmbio Educacional UASD-CCNY. ”

Na Argentina, é um membro fundador e diretor da Fundação Elpis e do Instituto para o Desenvolvimento Integral de Jujuy.

Co-fundador da Área de Proteção Ambiental (APA) e do Instituto Ecológico Búzios Mata Atlântica no Brasil.

Prêmio Nacional de Pesquisa Científica da Venezuela e Medalha de Ouro ao Mérito da Universidade Central da Venezuela, onde ele ensinou e se formou em Biologia.

Ele conduziu uma pesquisa em cinco continentes e já visitou todos os países de América Central e do Sul. Realiza conferências, seminários e cursos em várias universidades e instituições nos EUA, Alemanha, Brasil, Venezuela, Argentina, Colômbia, entre outros, bem como jornadas espirituais coordenados em vários países.